RssFacebook StoreTwitter Store

Positivismo a dominar a hotelaria nacional em fevereiro

Positivismo a dominar a hotelaria nacional em fevereiroA hotelaria nacional registou 989,9 mil hóspedes e 2,6 milhões de dormidas em fevereiro, o que equivale a aumentos homólogos de 14,1 e de 15,1 por cento (+9,4 e +10,0 por cento em janeiro), indicam dados agora divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).


O crescimento das dormidas contou com o contributo do mercado interno (+11,3 por cento) e, de modo mais expressivo, dos mercados externos (+16,8 por cento). A estada média aumentou (+0,9 por cento para 2,58 noites), tal como a taxa líquida de ocupação cama (+2,5 p.p., situando-se em 32,3 por cento).

Mantendo a tendência dos meses anteriores, os Açores apresentaram um aumento assinalável das dormidas (+57,2 por cento), tal como o Algarve (+23,4 por cento) e o Norte (+22,0 por cento). A evolução das restantes regiões foi igualmente positiva. Lisboa foi o principal destino (27,2 por cento do total de dormidas), seguida pelo Algarve (25,9 por cento) e pela Madeira (18,1 por cento).

O preço médio por quarto disponível (RevPar) foi 22,7 euros (+14,7 por cento). Mantendo a tendência dos últimos meses, os valores mais elevados deste indicador ocorreram na Madeira (37,6 euros) e em Lisboa (34,6 euros). Os Açores registaram um aumento assinalável (+51,7 por cento), sendo também de referir os resultados do Alentejo (+24,3 por cento) e do Norte (+23,5 por cento).

Os proveitos, por sua vez, evidenciaram acréscimos significativos (+20,6 para os proveitos totais e +20,7 por cento para os de aposento), superiores aos verificados em janeiro (+13,5 e +15,6 por cento).

O aumento generalizado dos principais indicadores em fevereiro poderá estar relacionado com a situação de instabilidade verificada em destinos concorrentes, a par da implementação de estratégias comerciais específicas no mês em análise, nomeadamente pacotes especiais do Dia dos Namorados e do Carnaval (em 2016 com tolerância na Administração Pública).

welcome@briefing.pt 

Lisboa Vista de Fora

o-fado-e-a-razao-mais-melancolica-para-visitar-lisboaQuem o diz é o The Telegraph que publicou um artigo dedicado ao género musical português. De acordo com o jornal, o fado está na moda e, em Lisboa, há quatro maneiras de saber mais sobre esta arte: o palco Fado no NOS Alive, o Museu do Fado, o Clube de Fado e o Open Mic Fado.
traveler-espanha-destaca-piscina-do-nh-collection-liberdadeUm prazer focar o olhar e deter-se nos telhados e nas ruelas. É assim que é descrita a vista da piscina do NH Collection Liberdade, em destaque na edição online da Traveler Espanha.
lisboa-entre-os-destinos-preferidos-para-acolher-congressos-internacionaisLisboa subiu três lugares no ranking mundial das cidades e alcançou o top 10 das mais solicitadas para acolher congressos associativos internacionais em 2015, indicam dados agora divulgados pela ICCA – International Congress & Convention Association.